Nossa História

 

Nossa história

Com a devastação causada pela Segunda Guerra Mundial, várias pessoas e instituições empenharam-se em desenvolver iniciativas para construir e manter a paz entre os povos. À época, uma das propostas levantadas foi a da UNESCO, que sugeriu criar uma organização educacional para a paz envolvendo pós-graduados de várias disciplinas.

A psicoterapeuta americana Doris Allen adorou o projeto, mas discordou da ideia de trabalhar com adultos. Com sua especialização em crescimento e desenvolvimento infantil, adaptou o programa para que se investisse em crianças e, criou, em 1946, o Children’s International Summer Villages, cujas iniciais formam a conhecida sigla CISV. Ela acreditava firmemente que apenas as crianças poderiam ser a fonte da paz mundial no longo prazo.

Desta convicção veio a ideia de juntar crianças de diferentes nacionalidades para que, convivendo entre si, pudessem aprender a respeitar valores, hábitos e costumes diferentes dos seus próprios. Seu sonho virou realidade em 1951, quando representantes de oito países se reuniram em Cincinati, Ohio, nos Estados Unidos para o primeiro acampamento e, no decorrer de várias décadas, o CISV cresceu com muita força.

Com a criação do CISV, Doris Allen foi indicada em 1979 para o Prêmio Nobel da Paz, tendo perdido para Madre Teresa de Calcutá.

Sessenta anos após o primeiro acampamento, o Village continua sendo a base das atividades educacionais do CISV, mas outros sete programas (Youth Meeting, Interchange, Step Up, Junior Counsellor – JC, Seminar, International People’s Project – IPP e Mosaic) foram criados para faixas etárias diferentes, de modo a dar continuidade à proposta educacional e à filosofia de vida do CISV.

Por ano são realizadas cerca de 5 mil atividades em mais de 70 países ao redor do mundo. Com isso, aproximadamente 250 mil crianças, jovens e adultos estão diretamente ligados aos programas do CISV.

Conheça mais sobre o CISV

Nossos princípios educacionais
Educar para a paz significa formar cidadãos completos, que sejam capazes de reunir as atitudes...

Saiba mais

Aprender, fazendo!
Esta é uma maneira simples de se aprender pela experiência e, não, pela teoria. No lugar de aulas...

Saiba mais

Os quatro pilares do CISV
As áreas a seguir são os pilares do CISV. Elas servem de base para a formação do conteúdo...

Saiba mais

O tema do ano CISViano
Das quatro áreas de conteúdo do CISV, escolhe-se uma para ser o tema do ano...

Saiba mais